Arroz Doce

Conhecida comida típica de nossas festas de junho (São João principalmente), o arroz doce é um prato luso-brasileiro que consiste basicamente em arroz, leite, açúcar e especiarias, tendo algumas variações regionais com ovos, coco ou laranja.  Gosto muito desse prato porque ele é muito fácil de fazer, quase todo mundo aprecia, usa poucos (e baratos) ingredientes e pode ser manipulado sem perder a originalidade, como por exemplo: trocando as especiarias ou alterando sua consistência, deixando parecido com um pudim ou uma sopa.

Espero que todos consigam entender a explicação e tenham coragem de testar em casa, peço desculpas se alguma coisa ficou vaga ou a foto ficou amadora, mas é minha primeira postagem de receita. Agradeço ao Emmanuel Mascarenhas que ajudou a editar a foto que tirei, também à Carolina Tavares que fez umas correções no texto e ofereço nosso trabalho à minha grande amiga Eli, que passou por um aneurisma há 10 dias e hoje finalmente saiu do coma! (em breve irá comer esse arroz doce conosco!)

Imagem01

Arroz Doce:

Ingredientes:

01 litro de água

Canela em pau (03 pauzinhos), cravo (08 pauzinhos ou uma pitada) e noz-moscada (uma pitadinha minúscula).

01 e ½ xícaras de arroz fino.

½ xícara de açúcar

01 litro de leite integral

05 -10 gotas de essência de baunilha.

01 lata de leite condensado.

01 lata de creme de leite (pode ser uma caixinha ou duas)

Modo de Preparo:

Ferva 1 litro de água com a canela em pau, a noz e os cravos em uma panela grande. Adicione o arroz e o açúcar e mexa de vez em quando para não colar. Quando ele estiver quase cozido (água “sumiu”, mas ainda está molhado-borbulhando e o arroz está durinho por dentro), adicione as gotas de baunilha e 1 litro de leite em temperatura ambiente. Mexa de vez em quando, até ferver, aí adicione o leite condensado e mexa por uns 5 a 10 minutos, dependendo do ponto do arroz, que deve estar bemmm cozidinho (mais que o arroz tradicional que comemos). Quando estiver no ponto, desligue o fogo e adicione o creme de leite (sem soro).

Dicas:

-Não acho necessário tampar ou usar fogo baixo enquanto cozinha. (só tampe antes de a água ferver e só tampe/abaixe o fogo se por algum motivo o caldo reduzir muito e ele ainda estiver cru)

– CUIDADO com canela, cravo e noz-moscada, um pouco a mais e sua receita vai para o buraco.

– Use duas caixinhas de creme de leite, dependendo do quão doce quer a receita (uma caixinha = mais doce e menos cremoso, duas caixinhas = menos doce e mais cremoso)

– Pode usar arroz quebradinho, de baixa qualidade, mas NUNCA use arroz parboilizado.

– Algumas pessoas substituem a essência de baunilha por essência de laranja, pedaços de chocolate ou pedaços de frutas. Isso é legal, mas descaracteriza o arroz doce original.

– No nordeste costuma-se substituir metade do leite por meio litro de leite de coco ou adicionar coco queimado, fica excelente.

– Pode comer quente, temperatura ambiente ou gelado.

– Polvilhe canela por cima. =)

Anúncios
Published in: on 08/07/2009 at 03:29  Comments (9)  

The URI to TrackBack this entry is: https://tanamesapessoal.wordpress.com/2009/07/08/arrozdoce/trackback/

RSS feed for comments on this post.

9 ComentáriosDeixe um comentário

  1. manda por sedex! hahahaha
    :**

  2. Gostei bastante do post e a foto ficou muito legal também (só não entendi a colher de café pra comer!huahuahuhuahua… a edição do nosso amigo bin ficou mto boa!)
    Eu adoro arroz doce e essa receita me parece seguir o padrão, que é excelente. A seção dicas ficou bastante interessante, poderia sugerir também diminuir a quantidade de cravo e de canela caso a pessoa não goste muito.
    Parabéns pelo blog!

  3. adorei o post, tadeo!
    mandou bem demais!
    eu ia inclusive perguntar: foi você quem tirou essa foto? ficou ótima 🙂 porque se fosse meramente ilustrativa seria lasca. haha é bom pra dar mais ‘realidade’ à receita! kkk

    adorei o ‘manda por sedex’! kkkk
    posso pedir também?
    HAHAHA

    beijos, sucesso no novo blog!

  4. Amigo o post ta ótimo, mas arroz doce, eu dispenso…rsrsrs
    Grande beijo pra Eli tbm!!

  5. Um cara glutão como você só poderia dar em um blog como esse. Só espero que atualize com regularidade.

  6. Foto amadora? pelamordedeus né, tá massa! A receita pelo nome nao me atrai não, mas lendo e vendo a imagem me lembrou munguzá, hehehe, parece boa!

  7. Da-lhe Tadeo!!! Boa sorte com o Blog, vou passar a receita pra minha mãe. Abraços!!

  8. Eu fiz, mas não ficou igual 😦 .
    Adorei o blog!

  9. caraca, fiquei na vontade profunda =~~
    te odeio!!!
    HAHAHAHAHHAHAHAHHAHA

    =*****


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: